Sexo, livros e gemidos

Como minha obsessão da vez é ler, acabei lendo um punhado de livro erótico (ou só wanne be), esses dias. Afinal, todo o livro, hoje em dia, exala sexo. Tipo, toda a saga da Sookie é erótica – apesar dela ter ficado um livro inteiro na seca! -, mas não são livros sobre sexo. Esses são:

80 Dias – A Cor da Luxúria, livro de Vina Jackson, aposto que segue a linha de Grey, que não li nem vou. Moça pobre, cara rico. Se descobrem fetichistas e realizam suas fantasias SM um com o outro. Não é sexy – não, pra mim -, não é bem escrito, a história é besta e nem quis saber dos outros 2 da trilogia.

A História de O, da Anaïs Nin, que é antigo, famoso e tenho certeza que inspirou os livros sadô-masô que pipocam nas livrarias. Achei brutal. Não me representa nem em versão light.

S.E.G.R.E.D.O. – L. Marie Adeline – é divertidinho. Mocinhas sexualmente reprimidas têm 9 fantasias sexuais patrocinadas por um grupo beneficente. As fantasias são de fuén a bacaninhas, bem na medida para as moçoilas envolvidas, e a historinha é acompanhável. Li os dois já lançados por aqui e aguardo o terceiro só pra saber se ela vai ficar com ele. Sou romântica. 😀

Eu, Dommenique, de Dommenique Luxor, é mais um de dominação e é a história real de uma brasileira que largou o serviço público para fazer serviço privado como dominatrix. Achei um tédio, MUITO mal escrito e sem tesão. Se a mulher fala tanto durante as sessões como deu a entender no livro, vai morrer de fome. Ou não, mas não me interessei em descobrir. Parei no segundo capítulo.

Acabei de ler Prick. A autora, Sabrina Paige, segundo disseram, é obcecada por clichês que tentam ser “provocativos e polêmicos”, então, decidiu escrever uma série de livros sobre sexo entre irmãos postiços – irmãos por criação ou por casamentos dos pais, sem laços sanguíneos. – Neste, a cada três frases, o casal está trepando. A pessoas fica assada só de ler…

Dos wanna be – tem erotismo mal usado como pano de fundo para uma história sem graça – abandonei Insônia, da Série Nefilins, da Mari Scotti, quase no final – porque o livro um não fecha a própria história, que continua obrigatoriamente no livro 2. Picaretagem grosseira. – Anjos e sexo – só imaginado, nada efetivo. -, clichê, mal escrito, mal pensado, cheio de erros e falhas, mau. Pensei em dedicar um post só para falar do quanto este livro é ruim, mas deixa pra lá… Uma pessoa que adota o nome artístico de Mari Scotti  não merece minha atenção…

O que todos os livros têm em comum, além de muita penetração (menos o da Mariscote, que até nisso deixa a desejar)? Dinheiro compra felicidade e satisfação sexual. Sim, os caras são ricos – no S.E.G.R.E.D.O. eles nem precisam sê-lo, já que alguém rico banca tudo – e são sempre poderosos/influentes/celebridades. Além de fortes, absolutamente em forma e caralhudos. Tipos com menos de16cm não passam nem na porta da historinha. Se tiver barriguinha, então, nem será citado como, sei lá, policial aposentado de meia idade.

Os pintos enrijecem num olhar e as mulheres escorrem só de vê-los!! Todo mundo é sexy de se ver e gostoso de se comer. Há mulheres gordinhas, isso pode, desde que sejam muito bonitas e com as gordurinhas preenchendo os lugares certos (coxas firmes, peitos naturais autos e duros, bunda sem celulite e/ou estria), mas homens são 0% de gordura.

O cara real mais próximo do que é caracterizado nos livros, em termos físicos, é Jason Momoa. São Jason Momoas de olhos azuis (maioria), cabelos louros, barbeados, pele clara ou quaisquer outras variações sobre o mesmo corpo, como naqueles programinhas de editar um avatar. E como não estão sobrando Momoas – ainda mais milionários, cheios de tesão e a fim de nós, reles mortais – por aí, se é só isso o que as mulheres querem, faz sentido ter tantos livros para aplacar a frustração da geral.

A minha é imensa. Do jeito que as coisas são descritas, fico mesmo é com dó de mim. Se depender da minha conta bancária, da minha bunda pequena e dos meus quase 42 anos, não realizarei nenhuminha das supostas fantasias que eu deveria ter. Pobre de mim que sou pobre…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *